Você está na categoria:
Bem estar
4 de Janeiro de 2018

O que eu diria a um recém pai?

Ah, eu diria que ela está estranha, mas é  sem querer. Os hormônios estão uma bagunça. Ela fica triste, chora, se sente sozinha mas não é sua culpa. Nem é culpa dela. O bebê nasceu depois de meses vivendo “nela”. Agora o ventre está vazio. Sei que os braços estão cheios mas o sentimento de solidão que a alcança é terrível. Ela precisa da sua compreensão. Precisa se sentir segura. Ela acaba …

Continue Lendo
13 de dezembro de 2017

Naquela Noite de Natal – resenha

Eu amo o Natal. Amo celebrar a data que consideramos ser a do nascimento de Jesus. Claro que amei esse livro! Gente, que gracinha, que delícia de ler a história desse jeito! O livro pop-up, totalmente interativo, conta o nascimento de Jesus. Cada página possui várias tiras para puxar e abas para levantar, e as crianças descobrirão vários personagens e passagens da narrativa do Natal escondidos pelos recursos interativos. A história inclui a …

Continue Lendo
30 de novembro de 2017

9 dicas para fortalecer o relacionamento do casal

Hoje o post tem dicas simples para fortalecer o relacionamento do casal. Claro que, não é a garantia de perfeição até porque ela não existe. Mas pode ajudar! Com o passar doas anos ou depois dos filhos o romantismo pode ir ficando de lado. Acredito que com pequenas atitudes podemos manter firme a união, companheirismo, intimidade. 1. Não vá dormir de mal Por mais chateada(o) que você esteja e a vontade de …

Continue Lendo
29 de novembro de 2017

A Arca de Noé – resenha

O livro da vez conta a história bíblica “A Arca de Noé” de uma forma muita divertida e cativante para nossos pequenos. Pititico gostou bastante da animação! Enquanto eu ia lendo ele fazia o que se pedia no livro. Amou a parte de girar as nuvens na hora do dilúvio. Um dilúvio limpará a maldade da terra, mas há um homem bom – Noé – que Deus deseja salvar, junto com sua …

Continue Lendo
27 de novembro de 2017

Mãe, a última que dorme

Já é tarde da noite. Madrugada. Todos dormem. Mas em algumas casas não. A rotina da casa mudou. O bebê sonhado ou inesperado chegou. Tão pequenino, tão dependente. Há festa pela ansiedade finalizada. Há confusão pelos sentimentos que surgirem. Há amor transbordante. Há dificuldades para serem vencidas. Há muita coisa nessa casa. Talvez o pai já esteja dormindo, vai levantar cedo para trabalhar. Mas a mãe, muito provavelmente está alimentando ou suprindo …

Continue Lendo