11 de novembro de 2016

O que comer durante a amamentação

Categorias:

Olá, mãe, como você está? Você e o(a) pititico(a) passaram bem a semana?

Deixa eu te fazer uma pergunta: você pretende engravidar em breve ou ainda amamenta? Por acaso já surgiu a dúvida do que você poderia comer para melhorar sua saúde e até mesmo do(a) pititico(a)?

mundo-pititico-o-que-comer-durante-a-amamentacao

Pois bem, volta e meia mães me fazem essa pergunta, afinal querem garantir o melhor ao seu filho…e hoje estou aqui para falar destes itens, até porque sabemos que é recomendado que a mãe tenha uma alimentação saudável e equilibrada desde antes da gestação! 😉

Bom, antes de falar dos melhores alimentos, queria falar dos principais mitos relacionados ao aleitamento materno: canjica, cerveja preta, água na concha, o leite ‘vira’ água depois dos 6 meses/seu leite é fraco…você já ouviu algum (ns) dele (s)?

– Canjica e cerveja preta: eles não aumentam a quantidade de leite (além da bebida alcoólica ser contraindicada desde a gestação!). Há apenas 2 itens que aumentam a produção – o consumo frequente de água e a sucção do bebê. Sim, quanto mais ele mamar, mais leite você terá, afinal, o peito não é estoque e sim produção!

– Água na concha: outra crendice de muitos e muitos anos atrás que não tem o menor fundamento e lógica!

– O leite vira água/leite fraco: mães, em hipótese alguma existe leite fraco. Seu leite é e sempre será o melhor alimento para seu filho seja no 1º, 6º, 24º mês…você produz exatamente o que seu filho precisa para aquele momento da vida dele. Se eu posso te dar um conselho, mesmo sem te conhecer, não dê ouvidos às pessoas/opiniões que falam que você precisa urgentemente desmamar, respeite seu tempo e do seu filho! 😉

Lá em cima, eu comentei que a mulher deve ter uma alimentação saudável e equilibrada e, para você entender onde quero chegar, vou resumir um estudo feito com as gestantes:

Elas foram divididas em 3 grupos – G1 as mulheres que comeram cenoura durante toda a gestação; G2 as mulheres que passaram a comer cenoura durante o aleitamento materno; G3 as mulheres que não comeram cenoura em nenhuma dessas fases e o que os pesquisadores observaram foi que os filhos das mães do G1 e G2 quando entraram em introdução alimentar tenderam a aceitar mais facilmente e a gostarem de cenoura, diferente dos filhos das G3 que recusaram diversas vezes o alimento e tiveram maiores dificuldades de aceitação.

Ou seja, o que seu filho irá aceitar no futuro está diretamente relacionado ao que você ‘ofereceu’ a ele desde a gestação, até porque você será (e é) o principal exemplo do pititico…aliás, você já ouviu falar que de nada adianta você querer que a criança coma alface se você não come ou naquela hora você está comendo outro alimento? Então, essa máxima é válida em todas as situações!

Pensando nesse tipo de alimentação (que seria adequada para todas as pessoas, independente da idade ou momento), o ideal é evitar as bebidas alcóolicas e com cafeína e reduzir o consumo de doces, refeições congeladas, embutidos, frituras e os adoçantes sem a real necessidade. Por outro lado, a mulher deve priorizar as carnes magras (ovo, frango, vaca, peixe, porco – dependendo do corte, e os cogumelos e brotos (em especial às vegetarianas), os feijões e demais leguminosas (lentilha, ervilha, fava, grão de bico, tremoço), grãos integrais, frutas e legumes no geral, os vegetais verde escuros, as oleaginosas (castanha de caju, castanha do Pará, amêndoa, amendoim, gergelim, semente de abóbora, semente de girassol, semente de linhaça) e o leite e derivados (queijos brancos e iogurtes).

Ah, sempre que possível dê preferência aos alimentos da safra, já que são muito mais baratos, fáceis de achar, têm menos agrotóxicos e muito mais vitaminas e minerais!

Por fim, mas não menos importante, essas informações são mais gerais e cada mãe e situação são únicas, por isso, não deixe de contar com a ajuda de um nutricionista!

Bem, vou ficando por aqui, mas antes queria saber como foi/está sendo o período de aleitamento ai na sua casa…compartilhe conosco suas experiências e medos!

Grande beijo e até a semana que vem!

mundopititico-colunista-nutricao

Leia mais!