29 de junho de 2017

Quando levar a criança ao oftalmologista

Categorias:

Acontece muito das crianças serem levadas ao oftalmologista somente quando estão na fase da alfabetização e demonstram dificuldades de enxergar algo no quadro, por exemplo.

Mas não deve ser assim.

O primeiro cuidado com os olhos da criança começa ainda na maternidade com o Teste do Olhinho (Teste do Reflexo Vermelho) que é capaz de detectar qualquer patologia que cause obstrução no eixo visual como catarata; e qualquer outra patologia ocular que cause opacidade de meios, como opacidades congênitas de córnea.

Depois desse primeiro exame, a Sociedade Brasileira de Oftalmologia Pediatra indica um exame a cada 6 meses nos dois primeiros anos de vida, e após, se tudo normal, um exame anual até os 8-9 anos, época em que termina o desenvolvimento da visão.

O Pititico teve sua consulta no primeiro ano e depois ao três. Foi consulta de rotina mesmo com o oftalmologista indicado pela Pediatra dele. Graças a Deus não teve nenhum problema. E ele curtiu muito a visita rs.

Como quantificar a visão:

– BEBÊ COM MENOS DE TRÊS MESES: utiliza-se objetos grandes a uma distância de mais ou menos 30-40 cm dos olhos. Testa-se a fixação com os dois olhos abertos e com um de cada vez. O bebê às vezes presta atenção, às vezes não, pois o reflexo de fixação ainda está se desenvolvendo.

– DE TRÊS MESES A TRÊS ANOS: com objetos menores, a uma distância de 40 cm. Testa-se fixação com os dois olhos abertos e com um de cada vez. O bebê deverá fixar e seguir os objetos. Algumas crianças já informam figuras (animais, frutas, casa, flor) desde os 2 anos de idade.

– ENTRE TRÊS E 5 ANOS: melhor método é testar a visão com optotipos isolados (medida da acuidade visual angular) ou identificação de figuras.

– ENRE 5 E 7 ANOS: já informam a visão com o teste do “E” de Snellen, A criança deve indicar com a mão para onde estão apontando as “perninhas” da letra E, com os dois olhos abertos e com um de cada vez.

– APÓS 7 ANOS:  medir acuidade visual como se mede no adulto, com letras.

É importante prestar atenção na criança, se ela queixa dores de cabeça, se tem vermelhidão nos olhos ou franze a testa para observar alguma coisa. Estes podem ser sintomas que sinalizam anormalidades na visão dela.

Na fase escolar pais e professores devem ficar atentos também. Os principais problemas visuais em idade escolar são miopia, hipermetropia e astigmatismo, conhecidos como erros de refração que podem ser corrigidos com o uso de óculos.

Nunca é cedo demais para procurar o oftalmologista!

Leia mais!